Nacional Ceará Paraíba Pará Pernambuco São Paulo

Jornalistas italianos são libertados no Congo

Eles estavam no Congo para fazer uma reportagem sobre as operações da estatal italiana de energia ENEL na Nigéria e foram presos logo após realizarem uma entrevista com o empresário Fabio Ottonelo

Ansapor seg, 20/03/2017 - 08:57

Dois jornalistas italianos que tinham sido detidos no Congo retornaram para a Itália nesta segunda-feira (20), de acordo com fontes locais.

Luca Chianca e Paolo Palermo, enviados especiais do jornal "Report", haviam sido presos na última quarta-feira (15), mas a notícia da detenção foi mantida em segredo para favorecer o trabalho diplomático. Eles estavam no Congo para fazer uma reportagem sobre as operações da estatal italiana de energia ENEL na Nigéria e foram presos logo após realizarem uma entrevista com o empresário Fabio Ottonelo.

As autoridades congolesas alegaram que a dupla não tinha visto de jornalista. Em troca de libertação dos repórteres, o Congo apreendeu as câmeras, chips de celular, telefones e materiais recolhidos no país pelos italianos. 

COMENTÁRIOS dos leitores