A cada dez adolescentes, seis praticam sexo sem proteção

Nem mesmo o preservativo foi lembrado pelos entrevistados, que afirmaram saber como utilizá-lo e entender que essa é a melhor forma de evitar doenças

por Wagner Silva qua, 15/02/2017 - 17:47

Uma pesquisa elaborada pelo Ministério da Saúde mostra que seis em cada dez adolescentes com vida sexual ativa não utilizam nenhum método contraceptivo. Os jovens relataram ter mantido relações sexuais sem proteção durante o ano de 2016. Nem mesmo o preservativo foi lembrado pelos entrevistados, que afirmaram saber como utilizá-lo e entender que essa é a melhor forma de evitar as DSTs.

Os dados do ministério revelam que desde 2006 o contágio por HIV tem aumentado. Entre os homens, com idade entre 13 e 19 anos, os casos cresceram de 2,4% para 6,9%, e, entre as mulheres, subiram de 3,6% para 4,1%, para cada 100 mil habitantes. Em segundo lugar, com indicativos semelhantes, aparece a sífilis, com aumento de 3,8%, no geral, nos últimos 5 anos, o que fez com que o ministro da Saúde, Ricardo Barros, admitisse que o Brasil enfrenta uma epidemia da doença.

De acordo com especialistas, o crescimento se deve à diminuição de campanhas de incentivo ao uso da camisinha, à facilidade de se encontrar parceiros e à mudança do impacto da Aids, com o avanço dos tratamentos e o prolongamento da vida dos infectados. 

COMENTÁRIOS dos leitores