Aldo Vilela

Aldo Vilela

Jornalista

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal LeiaJa.com são formados por autores convidados pelo domínio notável das mais diversas áreas de conhecimento. Todos as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

Minha gente! Que país estamos vivendo?

qua, 11/10/2017 - 09:31
Agora ficou chancelado, comprovado e explicitado: os vilões da República são a Polícia Federal, o Ministério Público e o Poder Judiciário. Pasmem todos mas  esta é a conclusão que retiramos do relatório do senhor deputado Bonifácio de Andrada, e assim ele  que pediu o arquivamento da segunda denúncia contra Michel Temer.Este deputado decrépito, quase senil e parceiro de Aécio Neves em Minas Gerais em vez de analisar as provas terminou por  produzir uma ação contra a operação a Lava Jato. O parecer desta ‘’múmia” em forma de parlamentar  apostou  no corporativismo dos colegas para salvar o presidente, acusado mais de uma vez  de organização criminosa e obstrução da Justiça.O relatório do deputado Andrada faz coro a um discurso batido e rebatido  pela defesa de Temer.  O nobre presidente brasileiro  acusa a Procuradoria de "criminalizar a atividade político-partidária" e promover "um ataque generalizado aos homens públicos do país".  Já o deputado aliado de temer disse que , "Essa denúncia apresenta uma ampla acusação à vida pública brasileira". E assim caminhamos com estes homens mandando no país e tendo apoio de parte de população.Para o deputado Andrada, o Ministério Público é um órgão que "domina a Polícia Federal, mancomunado com o Judiciário", para impor constrangimentos a uma classe política indefesa. Ele ainda sugere que o avanço das investigações "trouxe para o país um desequilíbrio nas relações entre os Poderes da República". Meu Deus! Onde chegamos, agora é o poste que faz xixi no cachorro, pois os ladrões da política querem culpar os órgãos mais sérios deste país entre eles a Polícia federal e o Ministério Público. O quase morto deputado Bonifácio Andrada ainda em tom de um profundo lamento, falou aos quatro cantos que o inocente presidente "teve reduzidas as prerrogativas e as garantias da imunidade parlamentar". "O Poder Legislativo perdeu muito na sua eficiência institucional com a falta das imunidades parlamentares que existiam no passado brasileiro". Por final  seguimos com o país acabado, cada vez mais sendo surrupiado pelos políticos bandidos do congresso nacional.
Festa do estica e puxa
 
A  Câmara de Olinda entra pra história fazendo trapalhadas fez duas votações para garantir o título de cidadão ao ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Filho.
 
Como foi?
 
Na primeira votação, eram necessários 12 votos a favor, mas o placar acabou em 10 a 4. Na segunda, dois vereadores mudaram de posição e o placar foi de 14 votos contra um, do vereador Marcelo Soares (PCdoB).
 
Tragédia anunciada
 
Relatório da Agência Nacional de Águas (ANA) identificou 25 barragens no Brasil com estruturas comprometidas. Entre os vários problemas identificados estão deficiências no vertedor, que é por onde a água é escoada, fissuras e deterioração na estrutura de concreto das barragens, erosões e concreto com péssima qualidade.
 
Números
 
Das 25 barragens, 16 são públicas e 9 privadas, sendo a maioria ligada ao agronegócio. Nenhuma delas tem relação com mineração ou geração de energia.  Aqui em Pernambuco, apenas a barragem de Jucazinho, com grandes problemas , aparece na lista.
 
Todo mundo de olho
 
O  julgamento que o Supremo Tribunal Federal realiza nesta quarta-feira tem importância monumental, a Suprema Corte define se tem ou não poderes para impor aos congressistas sanções cautelares como as que foram colocadas ao Senador  investigado Aécio Neves.
 
E temer foi a feira
O governo lista entre 60 e 70 cargos que podem ser oferecidos aos deputados em troca de apoio na votação da denúncia da Procuradoria-Geral da República. Entre eles está a presidência do Serpro.
Dia do Supremo
Ao menos três correntes vão brigar  no STF nesta quarta (11), quando o futuro de Aécio Neves (PSDB-MG) será decidido.O supremo como todos sabem e não é novidade continua dividido quanto ao tema. Há os que dizem que o afastamento é ilegal, os que pregam autorização do Congresso para a aplicação da medida e os que afirmam que ação é legal e nem sequer está sujeita ao Legislativo.
Dilma para o Senado
 
A ex-presidente Dilma Rousseff está na frente nas intenções de voto para o Senado em Minas Gerais.
Acredite!
Levantamento feito Instituto Paraná Pesquisas mostra que a ex-presidente teria 16,9% dos votos, seguida pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, com 15,2%.  Josué Alencar (PMDB) tem 15,1% do eleitorado, ficando na terceira posição.
 
Lula e o incentivo aos professores 
Os 2.093 professores da Rede Pública de Ensino do Cabo de Santo Agostinho receberam um Bônus no valor de R$ 200,00 para aquisição de livros na Bienal, que acontece no Centro de Convenções.
Criticas
 
O deputado federal Danilo Cabral (PSB)  não poupou palavras e criticou o curto tempo de análise e debate do relatório da Medida Provisória nº 785, de 2017, que trata do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Danilo disse que não se discute o tema com o devido respeito.

COMENTÁRIOS dos leitores