Em noite de Anselmo e Magrão, Sport vence o Palmeiras

Atacante Rafael Marques também brilhou na bela vitória rubro-negra

por Thayná Aguiar sab, 26/05/2018 - 21:04
RICARDO MOREIRA/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO Anselmo se destacou na vitória rubro-negra RICARDO MOREIRA/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Vindo de um empate diante do Corinthians na Arena de Pernambuco, o Sport viajou até São Paulo para enfrentar o Palmeiras, neste sábado (26), pela sétima rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O Leão buscava pontuar para se firmar ainda mais na briga pela parte alta da tabela e conseguiu. Em uma noite inspirada, o volante Anselmo foi o autor de dois dos três gols da vitória rubro-negra sobre a equipe alviverde. 

O jogo

A partida começou bem disputada, as duas equipes se movimentaram bastante dentro de campo. Logo aos dois minutos, Marlone bateu bem um escanteio, no entanto o jogo já estava parado e marcado o impedimento. Em seguida o Palmeiras respondeu com Keno, que recebeu bem, mas Magrão se antecipou para afastar o perigo.

Mas os donos da casa logo aproveitaram o mando de campo. Aos 13 minutos, depois de uma cobrança de escanteio a zaga do Sport conseguiu afastar. A bola ainda sobrou para Dudu, que chutou forte, mas Anselmo tirou. Aos 23, Rafael Marques tenta de fora da área mas manda para muito longe, sem perigo.

Aos 27 minutos o Palmeiras teve a primeira chance mais perigosa da partida. Antônio Carlos cabeceou para o gol e Magrão defendeu a queima roupa. Na sequência, a equipe alviverde tenta novamente mas Anselmo faz o corte.

E o Palmeiras cresce em campo. Aos 31, Keno gira dentro da área e bate por cima do gol. Mas a insistência logo deu resultado, aos 33, depois de um cruzamento de Diogo Barbosa, Keno chuta e abre o placar para a equipe alviverde.

Sem conseguir criar, o Sport encerrou o primeiro tempo com um chute de fora da área de Fellipe bastos aos 44, mas a bola passou longe do gol. Aos 46, Felipe Melo tentou de cabeça, mas Ernando afastou.

E o primeiro lance do segundo tempo foi do Sport. Numa cobrança de falta, Marlone tentou, mas Jailson saiu de soco e afastou. Aos 4 minutos, em um cruzamento de Keno, Dudu bateu mas Raul Prata afastou. 

E o time rubro-negro não demorou a responder. Aos 5 minutos, Fellipe Bastos chutou forte de fora da área e Jailson espalmou e Raul Prata garantiu o escanteio. Depois da cobrança de Marlone, Anselmo cabeceia no travessão. Marcos Rocha consegue afastar no rebote, mas novamente Anselmo pega de primeira e manda para o fundo do gol.

Aos 21, o Palmeiras chegou bem. Dudu arrumou a bola para Hyoran que bateu de primeira por cima do gol. E o Sport seguiu tentando e logo obteve resultado. Aos 28, Marlone rolou a bola para Anselmo, que finalizou para dentro do gol de Jailson, e marcou seu segundo na partida.

Mas o time da casa não deixou barato. Aos 36, Hyoran recebeu e finalizou com qualidade com o pé esquerdo no ângulo de Magrão. O goleiro rubro-negro até que tentou tirar, mas a bola foi para dentro do gol.

Querendo a vitória, o Sport conseguiu a virada. Aos 44, Rafael Marques marcou seu primeiro gol com a camisa rubro-negra após uma cobrança de escanteio. 

Nos acréscimos, aos 50 minutos, o juíz marcou pênalti para o Palmeiras. Keno foi para a cobrança, mas parou em Magrão. O goleiro rubro-negro defendeu a cobrança e garantiu a vitória do Leão.

FICHA DE JOGO 

Competição: Campeonato Brasileiro da Série A – 7ª Rodada

Local: Arena Palmeiras

Palmeiras: Jailson; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima (Hyoran); Dudu, Guerra (Papaguaio) e Keno. Técnico: Roger Machado

Sport: Magrão; Cláudio Winck (Raul Prata), Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Neto Moura (Rogério), Fellipe Bastos, Gabriel (Carlos Henrique) e Marlone; Rafael Marques. Técnico: Claudinei Oliveira

Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

Assistentes:  Hélcio Araújo Neves e Heronildo Freitas da Silva (ambos do PA)

Gols: Keno (PAL)

Cartões amarelos: Felipe Melo, Diogo Barbosa, Marcos Rocha (PAL); Anselmo, Ernando, Raul Prata (SPO)

Público: 25.947

Renda: R$ 1.506.726,18

COMENTÁRIOS dos leitores