Kvitova sofre, mas vence americana e vai às oitavas

A atual número nove do mundo precisou de três sets e de duas horas para superar a jovem local Sofia Kenin, que furou o qualifying, pelo placar de 3/6, 6/2 e 6/4

seg, 26/03/2018 - 07:48

Uma das principais cabeças de chave do Torneio de Miami, a checa Petra Kvitova sofreu na noite deste domingo (25) para conquistar sua vaga nas oitavas de final. A atual número nove do mundo precisou de três sets e de duas horas para superar a jovem local Sofia Kenin, que furou o qualifying, pelo placar de 3/6, 6/2 e 6/4.

Kvitova teve maior dificuldade para vencer a rival de apenas 19 anos, 94ª do ranking, em razão da forte irregularidade no serviço. A checa acertou 12 aces, mas cometeu oito duplas faltas. Ela colocou em quadra apenas 49% do seu primeiro saque, o que rendeu à Kenin 13 break points, dos quais sete foram convertidos.

Kvitova só não se complicou ainda mais na quadra dura norte-americana, neste domingo, porque a adversária também oscilou bastante no fundamento. Kenin cravou apenas um ace, porém anotou sete duplas faltas. Assim, cedeu 14 break points. Kvitova aproveitou oito deles, o que encaminhou a vitória.

Nas oitavas de final, a tenista de 28 anos terá outra jovem rival pela frente. Será a letã Jelena Ostapenko, de 20 anos. Campeã de Roland Garros, Ostapenko avançou ao superar a brasileira Beatriz Haddad Maia também neste domingo. Será o sexto confronto entre Kvitova e Ostapenko, sendo que a checa lidera o retrospecto por 3 a 2.

A ucraniana Elina Svitolina também assegurou lugar nas oitavas de final. A atual número quatro do mundo derrotou a australiana Daria Gavrilova com uma improvável virada. Após perder o primeiro set por 6/4, a favorita cresceu em quadra e só cedeu um game à rival nas duas parciais seguintes: 6/0 e 6/1.

Em busca da vaga nas quartas de final, a tenista da Ucrânia vai enfrentar agora a australiana Ashleigh Barty. A vencedora terá pela frente a vitoriosa do duelo entre Kvitova e Ostapenko.

COMENTÁRIOS dos leitores