No tie-break, Brasil vence Turquia e reage no Grand Prix

O torneio é o primeiro maior desafio da equipe brasileira neste ciclo olímpico que visa os Jogos de Tóquio, em 2020

dom, 09/07/2017 - 18:10
Divulgação/MPIX/CBV Assim, o Brasil fechou a primeira semana de disputas do Grand Prix com cinco pontos em três partidas disputadas Divulgação/MPIX/CBV

Depois de amargar uma derrota por 3 sets a 0 para a Sérvia no último sábado (8), a seleção brasileira feminina de vôlei sofreu muito, mas venceu a Turquia por 3 a 2, com parciais de 24/26, 25/17, 25/18, 22/25 e 15/13, na casa das adversárias, em Ancara, e reagiu no Grand Prix.

Foi a segunda vitória em três jogos do time nacional nesta edição da competição, na qual haviam estreado na última sexta-feira com um triunfo por 3 sets a 0 sobre a Bélgica, também em solo turco. O torneio é o primeiro maior desafio da equipe brasileira neste ciclo olímpico que visa os Jogos de Tóquio, em 2020.

Assim, o Brasil fechou a primeira semana de disputas do Grand Prix com cinco pontos em três partidas disputadas, lembrando que triunfos por 3 sets a 2 valem dois pontos ao vencedor, e não três, pontuação garantida a quem ganha por 3 a 1 ou 3 a 0, que foi o que a equipe comandada pelo técnico José Roberto Guimarães conquistou em seu jogo de estreia ao superar as belgas sem perder nenhuma parcial.

Depois do sofrido triunfo diante das turcas, as brasileiras voltarão a jogar pelo Grand Prix no próximo dia 14, contra o Japão, em duelo programado para começar à 1h15 (de Brasília). Esta fase da competição vai até o dia 23 de julho e as cinco seleções mais bem classificadas irão avançar à fase final. A China, como país-sede, já está garantida no estágio derradeiro do torneio.

A Sérvia, que em outro jogo deste domingo derrotou a Bélgica por 3 sets a 0, chegou aos nove pontos e se garantiu na liderança deste Grand Prix. O país está logo à frente dos Estados Unidos, que chegaram aos oito pontos ao bater a China, também por 3 a 0, neste domingo.

Já a Holanda, mesmo tendo sido derrotada pelo Japão por 3 a 2 em outro duelo deste dia de confrontos, figura em terceiro lugar, com sete pontos.

Tandara e Rosamaria, com 20 pontos cada uma, foram os grandes destaques da vitória da seleção brasileira, que precisou reagir até mesmo no tie-break para reverter uma desvantagem no placar que a Turquia chegou a ter no quinto set. E foi justamente de Tandara o ponto de saque que fechou a partida em 15/13.

Pelo lado turco, Fatma Yildirim foi a maior pontuadora, com 16 acertos, logo à frente de Hande Baladin, com 15. Drussyla e Bia, com 13 pontos cada uma, foram os outros principais destaques ofensivos do Brasil diante das donas da casa.

COMENTÁRIOS dos leitores