Vereador propõe biometria nos estádios de Recife

Romero Albuquerque (PP) espera que a medida ajude a coibir a violência no futebol local

qui, 08/06/2017 - 17:40
Líbia Florentino/LeiaJáImagens/Arquivo Sistema atualmente é utilizado pelo TSE nas eleições Líbia Florentino/LeiaJáImagens/Arquivo

Um projeto de lei pretende intensificar o controle nos acessos aos estádios de futebol do Recife. Segundo a proposta do vereador, Romero Albuquerque (PP), a biometria seria o novo sistema de identificação dos torcedores de Náutico, Santa Cruz e Sport que acessam Aflitos, Arruda e Ilha do Retiro. O PL 145/2017 foi protocolado em maio na Câmara Municipal e está tramitando pelas comissões regimentais. Caso aprovado, praças com capacidade para mais de 10 mil torcedores teriam que utilizar o sistema de identificação biométrica por imagem.

"Esperamos que seja analisado e aprovado ainda neste ano. Alguns clubes brasileiros já iniciaram o cadastramento de integrantes de suas torcidas organizadas, que é exigido pelo Estatuto de Defesa do Torcedor e faz parte do programa Torcida Legal, um conjunto de medidas para coibir atos de violência no futebol e que tem como parceiro o Ministério Público, entre outras instituições. Como exemplo, temos o Clube Atlético Paranaense, o qual foi o primeiro clube a realizar esse procedimento no Brasil", destacou o político.

As imagens ficariam armazenadas por cinco anos e a identificação de torcedores com histórico de atos violentos seria paralela à identificação de foragidos e pessoas com mandados de prisão. Para isso, entidades públicas e clubes poderão firmar convênios. O cadastramento será realizado pelo sistema de identificação biométrica, similar ao da Justiça Eleitoral, que utiliza a impressão digital, ou ainda por meio de fotografia, capaz de registrar e identificar até cem mil faces por segundo. Essa tecnologia é uma forte aliada na promoção da paz nos estádios.

Vale destacar que a medida é válida apenas para estádios de futebol na cidade do Recife, o que isentaria estádios como o Ademir Cunha (Paulista) e Arena de Pernambuco (São Lourenço da Mata). Atualmente, dentro das especificações do projeto apenas o Arruda e a Ilha do Retiro estão recebendo partidas oficiais. O Náutico ainda está reformando os Aflitos para retomar as atividades em seu estádio.

COMENTÁRIOS dos leitores