Cerca de 123 milhões não praticam esporte no Brasil

Dados do IBGE mostram ainda que 91,3 milhões nunca se exercitaram na vida

por Geraldo de Fraga qua, 17/05/2017 - 19:02

Aproximadamente 123 milhões de pessoas não praticam nenhum tipo de esporte do Brasil. A informação se torna ainda mais preocupante quando cerca de 91,3 milhões afirmam que nunca se exercitaram na vida. O dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e estão no suplemento Práticas de Esporte e Atividade Física, da Pnad 2015, realizado em parceria com o Ministério do Esporte e publicado nesta quarta-feira(17).

Das pessoas que não praticaram esportes no período da pesquisa, 38,2% alegaram falta de tempo e 35% disseram não gostar ou não querer. A falta de tempo foi mais declarada pela população adulta. Já entre os adolescentes de 15 a 17 anos, o principal motivo foi não gostarem ou não quererem. A razão para praticar esporte, declarado por 11,2 milhões de pessoas foi relaxar ou se divertir, seguido de melhorar a qualidade de vida ou o bem estar.

A pesquisa estimou ainda que 61,3 milhões de pessoas praticaram algum esporte ou atividade física no país, representando 37,9% do total de pessoas de 15 anos ou mais. Observou-se uma relação direta entre escolaridade. Enquanto 17,3% das pessoas que não tinham instrução praticavam, esse percentual chegava a 56,7% das pessoas com superior completo, e o percentual de praticantes ia de 31,1%, na classe de sem rendimento, a 65,2%, na classe de 5 salários mínimos ou mais.

O futebol foi a modalidade mais praticada no Brasil, com 15,3 milhões de pessoas. Em segundo lugar veio a caminhada (9,5 milhões de pessoas), seguida pelo esporte fitness (3,5 milhões). Os homens eram 94,5% dos praticantes de futebol e quanto mais jovem a população, maior era a representatividade do esporte, atingindo 64,5% das pessoas de 15 a 17 anos. Já a caminhada foi mais representativa na população de 60 anos ou mais (59,6%).

COMENTÁRIOS dos leitores