Nacional Ceará Paraíba Pará Pernambuco São Paulo

Daniel orienta Éverton Felipe sobre provocações

Técnico tenta evitar que declarações do meia resultem em violência fora de campo, porém não vê meia com discurso mal intencionado

por Rodrigo Malveira sex, 17/02/2017 - 12:37
Brenda Alcântara/LeiaJáImagens/Arquivo Daniel avalia que concentração para partida prevaleceu nesta semana de preparação Brenda Alcântara/LeiaJáImagens/Arquivo

Sem dúvida as declarações de Éverton Felipe foram um dos principais ingredientes para o Clássico das Multidões deste sábado (18). Com estilo provocador, as entrevistas repercutiram tanto do lado tricolor, como do rubro-negro para a partida. Vendo com um certo exagero, o técnico Daniel Paulista tem conversado com o jovem visando, principalmente, que ele não acabe instigando violência entre torcidas. Porém, ainda assim, acredita que o jogador não faz isso mal intencionado.

“Disse para o Éverton que nós, como pessoas públicas, temos que ter cuidado para não aumentar a violência no extra campo, para não deixar a situação fora do campo mais complicada do que já vem sendo. Queremos que as coisas se resolvam dentro de campo sempre com respeito e futebol”, relembrou o treinador sobre a conversa com o meia.

Pelo fato do meia ainda ser um jovem de 19 anos, Daniel acredita que muito da postura dele se deve a empolgação para o jogo e prega que, apesar de tudo, o respeito ao adversário sempre existiu. “O Éverton é um garoto jovem, está começando a viver esse momento importante e espero que tenha muito sucesso. Ele teve esses momentos, embora exagerados, mas sempre com respeito ao adversário, não só ao Santa Cruz, mas com todos os adversários que enfrentamos”, pontuou.

Tendo vivido a experiência de um clássico como jogador, mas ainda não como treinador, Daniel exalta que a preparação tanto dele como do elenco tem sido de manter o foco e a concentração no duelo. “O jogo grande sempre mexe com a cabeça do jogador e de quem trabalha com futebol. Essa semana tivemos uma preparação diferente por se tratar de um clássico e a rivalidade é grande, isso mexe com a cabeça. A nossa concentração tem sido muito grande. A gente tem expectativas de apresentar um bom futebol e seguir na trajetória de bons resultados”, finalizou.

LeiaJá também

--> Samuel Xavier promete disposição para vencer o clássico

--> Eutrópio evita provocações e mantém dúvida no Santa Cruz

COMENTÁRIOS dos leitores