Márcio/Pedro e Ricardo/Pedro Cunha avançam na Polônia

As duplas estão invictas, enquanto Thiago/Ferramenta e Moisés/Vitor foram eliminados

por Thiago Graf | sex, 27/04/2012 - 00:01
Compartilhar:

 

Foto: Marionaldo Junior/LeiaJá Imagens Thiago e Ferramenta foram elimanados depois de perderem as duas primeiras partidas da competição Thiago e Ferramenta foram elimanados depois de perderem as duas primeiras partidas da competição

O Brasil tem 50% de aproveitamento na segunda etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia, que está sendo realizado na cidade de Myslowice, na Polônia. Das quatro duplas nacionais na disputa, duas estão classificadas para às oitavas de final e as outras foram eliminadas da competição.

Nesta quinta-feira (26), dia de abertura da etapa principal, Ricardo e Pedro Cunha venceram as partidas realizadas sem perder nenhum set. Os brasileiros superaram os poloneses Bryl e Rudol por 2x0 (21/15 e 21/17). Em seguida, ganharam dos suíços Heyer e Chevallier, vencendo por duplo 21/18. Com triunfos, os atletas nacionais irão encarar, nas oitavas de final, contra os irmãos franceses Andy e Kevin Ces.

Quem também está classificada é a dupla formada por Márcio e Pedro Solberg. Os brasileiros iniciaram a participação na etapa vencendo os noruegueses Horrem e Eithun, por 2 sets a 1 (21/15, 17/21 e 17/15). Na segunda rodada, eles foram melhores que os holandeses Spijkers e Boerma e ganharam por 2x0 (21/15 e 21/16). Na próxima fase, eles vão duelar contra os espanhois Herrera e Gavira.

Após a classificação, Márcio avaliou o início na competição. "Tivemos altos e baixos no primeiro jogo, mas com tranquilidade e lucidez vencemos no terceiro set. Fomos mais regulares contra os holandeses e controlamos o jogo do início ao fim. Conseguimos dois triunfos fundamentais para avançar na competição. Agora, teremos pela frente a dupla da Espanha, que é muito rodada e perigosa. Precisaremos ter atenção e jogar com paciência", ressaltou.

Thiago e Ferramenta estavam na mesma chave que Márcio e Pedro, mas não conseguiram repetir o feito dos compatriotas. Eles perderam para Boerma/Spijkers, por 2x1 (21/23, 21/16 e 9/15) na estreia e diante de Horrem e Eithun, na segunda rodada, com parciais de 13/21, 21/16 e 10/15. Com as derrotas, eles ficaram com o 25º lugar da etapa.

Moisés e Vitor Felipe também não conseguiram avançar às semifinais. Eles perderam para Doppler/Horst, da Áustria, por 2x1 (8/21, 21/18 e 7/15). Na segunda rodada, novo tropeço, dessa vez contra os italianos Nicolai/Lupo, pelo mesmo placar (15/21, 21/18 e 7/15), sendo eliminados da disputa.

| | | Link:
Compartilhar:

Facebook

Carregando