Morre escritor finlandês Arto Paasilinna

Autor teve 35 obras traduzidas para dezenas de línguas

ter, 16/10/2018 - 19:00
MARTTI KAINULAINEN O escritor finlandês Arto Paasilinna em 27 de fevereiro de 2005 em Helsinki. MARTTI KAINULAINEN

O escritor finlandês Arto Paasilinna, que ficou conhecido mundialmente por seu livro "O ano da lebre", morreu aos 76 anos, anunciou nesta terça-feira seu editor.

Paasilina, autor de 35 obras traduzidas para dezenas de línguas, nas quais estão muito presentes os bosques de seu país, vendeu oito milhões de livros em meio século de carreira.

Nascido em 20 de abril de 1942, Paasilina, que também foi jornalista, faleceu na véspera "em uma casa de repouso em Espoo", na região de Helsinki, informou a editora finlandesa WSOY.

"Paasilinna era muito popular na França, onde o comparavam ao prêmio Nobel de literatura colombiano Gabriel García Márquez.

"Continuava escrevendo apenas por prazer", declarou seu filho Petteri, citado pela imprensa finlandesa.

Seus romances tragicômicos sobre a vida nos países nórdicos contam aventuras como a de um geômetra senil e seu companheiro de viagem e a de um jornalista que adota uma lebre com a pata quebrada.

"Como escritor quero exagerar as coisas e é mais fácil fazê-lo com as pessoas do meu país do que buscar em outros lugares (...). Os humanos em geral estão um pouco loucos, de uma maneira comovedora, e os finlandeses, ainda mais, talvez mais que os outros", disse à AFP em 2005.

COMENTÁRIOS dos leitores