Harry Potter comemora 20 anos com exposição em Nova York

Aniversário de lançamento do 1º livro ganha mostra em museu

sex, 05/10/2018 - 09:59
Divulgação A mostra vai até 27 de janeiro de 2019 Divulgação

Há 20 anos do lançamento do primeiro livro da saga Harry Potter, o museu Historical Society, de Nova York, inaugura nesta sexta-feira (5) uma exposição em homenagem à obra, chamada "Harry Potter: A History of Magic". A mostra vai até 27 de janeiro de 2019.

Inicialmente idealizada na Biblioteca Nacional do Reino Unido, onde foi exposta no ano passado, a mostra é dividida em sete seções organizadas de uma maneira que leva os visitantes a viajarem no mundo de Hogwarts, a escola de magia e bruxaria frequentada por Harry. À exposição foram adicionadas peças americanas.

A viagem inicia com a ideia na cabeça da autora da obra, J.K. Rowling. Foi em junho de 1990, quando Rowling, sentada no trem que ia de Manchester a Londres, começou a imaginar o personagem de Harry Potter, o bruxo de cabelos pretos, óculos ovais e uma cicatriz em forma de raio na testa.

Assim, oito anos depois, alguns rabiscos numa folha de papel tomaram forma e se tornaram "Harry Potter e a Pedra Filosofal", o primeiro livro da saga. E daquilo que parecia uma obra para crianças, virou um fenômeno mundial, mudando para sempre a vida da autora.

Na mostra, livros raros, manuscritos e objetos mágicos da coleção britânica, além de um material proveniente dos arquivos de Rowling. Além da exposição, o museu organizou uma série de eventos colaterais, como laboratórios artísticos, clubes do livro e cursos de escrita.

"Vinte anos depois, Harry Potter ainda é um fenômeno internacional e continua a crescer. Todos no mundo amam ler, e essa mostra não só reconhece e celebra o sucesso de Rowling, mas explora a história por detrás da magia", disse à ANSA Alexander Lock, um dos curadores britânicos da exposição, junto com Julian Harrison, Tanya Kirk e Joanna Norledge.

Já a realização nova-iorquina ficou sob curadoria de Margi Hofer e Cristian Petru Panaite. 

Da Ansa

COMENTÁRIOS dos leitores