Nacional Ceará Paraíba Pará Pernambuco São Paulo

Vídeo de maus-tratos a cachorro em filmagem era falso

Investigação promovida por entidade de defesa dos animais confirmou que filmagem foi editada para chocar o público

por Nathália Guimarães sab, 04/02/2017 - 14:51
Divulgação Filme ''Quatro Vidas de um Cachorro'' se envolveu em polêmica após vazamendo de vídeo de maus-tratos Divulgação

A organização de defesa a segurança dos animais nos filmes declarou que um vídeo controverso mostrando que um pastor alemão foi forçado a nadar em uma piscina durante as filmagens do filme "Quatro Vidas de Um Cachorro" era montagem. A informação foi divulgada por meio de um comunicado oficial na ultima sexta-feira (3).

Em comunicado, a entidade American Humane disse que as descobertas do relatório confirmaram que nenhum animal foi prejudicado nas cenas e que várias medidas preventivas de segurança estavam em vigor. A organização também impugnou a motivação de quem divulgou o vídeo.

"As decisões do indivíduo ou indivíduos que capturaram e deliberadamente editaram a filmagem e depois esperaram mais de 15 meses para liberar o vídeo manipulado apenas dias antes da estreia do filme levantam sérias questões sobre seus motivos e ética", diz o comunicado.

Os cineastas por trás de "Quatro Vidas de Um Cachorro" foram criticados no mês passado, quando o site TMZ publicou um vídeo no qual um cão é visto agarrando-se à beira de uma piscina e tentando fugir quando um instrutor tenta forçá-lo a entrar na água. O grupo de ativistas dos direitos dos animais PETA rapidamente pediu um boicote ao filme.

De acordo com a investigação e relatórios de testemunhas oculares, no entanto, o vídeo foi deliberadamente editado com o propósito de enganar o público e alimentar a indignação. Na verdade, as duas cenas mostradas foram filmadas em momentos diferentes.

O comunicado de imprensa afirma que durante todo o trabalho no set, o cão foi tratado com grande cuidado, atenção e respeito. Além disso, a organização também observa que um exame veterinário na semana passada confirmou que o cão está saudável.

COMENTÁRIOS dos leitores