Magno Martins

Magno Martins

Política Diária

Perfil:Graduado em Jornalismo pela Unicap e com pós-graduação em Ciências Políticas, possui 30 anos de carreira e já atuou em veículos como O Globo, Correio Braziliense, Jornal de Brasília, Diário de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Foi secretário de Imprensa de Pernambuco e presidiu o comitê de Imprensa da Câmara dos Deputados. É fundador e diretor-presidente do Blog do Magno e do Programa Frente a Frente.

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal LeiaJa.com são formados por autores convidados pelo domínio notável das mais diversas áreas de conhecimento. Todos as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

“PE não é o Rio”, diz Câmara

Magno Martinster, 01/08/2017 - 15:48

Apesar das crescentes estatísticas de homicídios em Pernambuco em 2017 em relação ao ano anterior, o governador Paulo Câmara (PSB) garante que não há necessidade de reforçar a segurança do Estado com a presença das Forças Armadas, procedimento adotado pelo Rio de Janeiro desde sexta-feira passada. “Pernambuco, diferentemente do Rio, tem uma segurança profissional, com pessoas responsáveis”, diz.

Questionado sobre o registro extraoficial de 30 homicídios no Estado no fim de semana, Câmara disse que o Governo trabalha com uma estatística maior. “Foram mais do que isso. A gente está com números preliminares", declarou, sem, no entanto, apontar um número exato. Dados consolidados da violência só vão ser divulgados no dia 15 de agosto.

O governador reforçou as ações repressivas no Estado entregando, ontem, 83 veículos para as polícias Civil, Militar e Científica. “Não há por que não acreditarmos cada vez mais no trabalho das nossas polícias, que são [formadas por] pessoas sérias e profissionais”. Câmara reconhece que há problemas na segurança pública do Estado, mas, segundo ele, enfrentados com trabalho.

“Não há por que não acreditarmos cada vez mais no trabalho das nossas polícias, que são [formadas por] pessoas sérias e profissionais”, garantiu. No primeiro semestre de 2017, Pernambuco registrou 2.876 homicídios, para uma população de 9,4 milhões de pessoas, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) feita em 2016. O Estado do Rio, com cerca de 16.6 milhões de habitantes, também segundo o IBGE, notificou 3.457 assassinatos entre os meses de janeiro e junho de 2017, segundo o Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro (ISP-RJ).

No mês de junho, o Estado do Rio registrou 506 crimes entre homicídios dolosos, latrocínios, lesões corporais seguidas de morte e homicídios decorrentes de intervenções à ação policial, número 5,9% maior do que o mesmo período do ano anterior. Em Pernambuco, os 380 homicídios registrados em junho superam em 14,4% os 332 casos registrados no mesmo mês de 2016.

VEÍCULOS– Dos 83 veículos entregues, 42 são destinados à Polícia Militar, 25 motos vão para a Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), quatro caminhonetes serão destinadas ao Grupo de Operações Especiais e outras sete serão encaminhadas a delegacias e batalhões. Há, ainda, cinco veículos que serão encaminhados à Polícia Científica. A entrega de novos veículos, somada à realização de concursos públicos para as polícias de Pernambuco, são alternativas para buscar diminuir a criminalidade no Estado.

Água em Surubim– Em visita, ontem, à redação deste blog, o secretário estadual de Agricultura, Nilton Mota, disse que o governador Paulo Câmara tirou do papel para um projeto na área hídrica que reforçará o abastecimento de Surubim e mais oito municípios do Agreste Setentrional dependentes do sistema da barragem de Jucazinho, que continua seca. “O sistema Sirigi já colocou a água nas torneiras de muita gente do Agreste”, diz Mota. Segundo ele, o Governo investiu R$ 40 milhões em parceria com o Governo Federal.

Fuga da oposição- O deputado Sílvio Costa (PTdoB) fez um apelo, ontem, para que os colegas da oposição não marquem presença na sessão de amanhã para inviabilizar a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB).  Em um vídeo distribuído pelo WhatsApp, o deputado admite que a oposição não tem os 342 votos necessários para aprovar o seguimento da denúncia e que, por isso, a melhor estratégia é não registrar presença em plenário. "Nós não devemos marcar presença, porque na hora que a gente não marca a presença, não vai dar quórum, e aí não vota, fica para a próxima semana, a gente não dá quórum de novo, e assim por diante", disse.

Olho na vice– A perspectiva do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) chegar ao segundo turno nas eleições presidenciais de 2018 revelada por recentes pesquisas de intenção de voto abriu uma procura de interessados em ser candidato à vice-presidente na chapa dele. Pelo menos dois parlamentares já procuraram Bolsonaro para se colocar à disposição: o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) e o senador Magno Malta (PR-ES). Última pesquisa Datafolha sobre a disputa presidencial de 2018, divulgada em junho, mostrou que o deputado do PSC está em segundo lugar, tecnicamente empatado com a ex-ministra Marina Silva (Rede), com 16% e 15% das intenções de voto, respectivamente.

Aposta na reeleição – O prefeito de Itapetim, Adelmo Moura (PSB), vende uma imagem bastante otimista do Governo Paulo Câmara (PSB), para quem, segundo ele, não terá adversário nas eleições de 2018. “Quando o povo tomar conhecimento da verdadeira face do Governo não vai pensar duas vezes em reeleger Câmara. Só em meu município, os investimentos em recursos hídricos e saneamento superam a casa dos R$ 15 milhões. Em sua gestão, Itapetim se tornará a primeira cidade 100% saneada do Sertão do Pajeú”, afirmou.

CURTAS

REVISÃO– A Câmara do Recife retoma seus trabalhos, hoje, estando na pauta a conclusão do projeto de revisão da Lei Orgânica do Município. É, na verdade, uma espécie de revisão da Constituição municipal por uma comissão especial. Entre os dispositivos da legislação estão os compromissos dos poderes Executivo e Legislativo, os direitos e deveres do cidadão no âmbito do município assim como dos governantes.

ALERTA– A conselheira Teresa Duere, relatora das contas de 2017 do município de Trindade no TCE, expediu “Alerta de Responsabilização” ao prefeito Éverton Costa para o risco de vir a responder, pessoalmente, perante o TCE, pelos gastos efetuados com a “3ª Festa do Gesso”, que se encerrou no último domingo, se vierem a comprometer o equilíbrio das contas públicas do município.

Perguntar não ofende: Lula vai ter sua pena elevada na primeira condenação de Moro?

COMENTÁRIOS dos leitores