Edmar Lyra

Edmar Lyra

Coluna Diária

Perfil:Bacharel em Administração de Empresas e Jornalista profissional, é colunista do jornal Gazeta Nossa da Região Metropolitana do Recife e do jornal Folha do Pajeú do Sertão do Pajeú

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal LeiaJa.com são formados por autores convidados pelo domínio notável das mais diversas áreas de conhecimento. Todos as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

A diferença do remédio para o veneno é a dose

Edmar Lyraqui, 25/05/2017 - 09:09

Críticos do presidente Michel Temer, impulsionados pelas centrais sindicais e pelo Partido dos Trabalhadores, decidiram ir às ruas de Brasília ontem para criticar as reformas e pedir a saída do presidente. Os cerca de 25 mil manifestantes utilizaram palavras de ordem contra o governo, mas quem chamou atenção foi uma parte das pessoas que utilizam máscaras e se valem do anonimato para depredar tudo que veem pela frente.

Eles já são figuras carimbadas nas manifestações organizadas pelo PT, mas ontem eles passaram de qualquer limite aceitável ao tocar fogo nos ministérios e depredar o patrimônio público. Eles foram muito piores do que durante a greve geral. Apenas para efeito de comparação, todas as manifestações contrárias à Dilma Rousseff foram pacíficas, não tendo um único vidro sequer quebrado, e mesmo assim atingiram com louvor seu objetivo.

Diante do cenário de guerra patrocinado pelas milícias do PT, o presidente Michel Temer foi obrigado a convocar as forças armadas para preservar a ordem. A medida, muito criticada pelos seus opositores, ganhou respaldo da maioria da população, que lhe elogiou nas redes sociais. O PT na ânsia de desgastar Temer para fortalecer a volta de Lula acabou exagerando drasticamente na dose, e o efeito que poderia ser letal para o presidente, acabou sendo revertido por causa da baderna patrocinada pelas centrais sindicais.

Para chegar à presidência da República, o PT precisou recorrer à Carta aos Brasileiros, pois a população já naquela época discordava das manifestações agressivas que o partido realizava. Agora na oposição o partido volta às suas origens e aposta na barbárie para tentar voltar ao poder. Com o advento das redes sociais, é difícil que a população concorde com essa postura autoritária, nada republicana e extremamente antidemocrática de recorrer à violência. O feitiço virou contra o feiticeiro e as imagens das manifestações que circulam todo o país neutralizaram ainda que momentaneamente o brutal desgaste ao presidente Michel Temer iniciado na semana passada.

Audiência - Pela falta de soluções para os problemas enfrentados pelos proprietários dos imóveis do Conjunto Muribeca, em Jaboatão dos Guararaoes, a deputada Terezinha Nunes (PSDB), solicitou a Comissão permanente de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Pernambuco, audiência pública para esta quinta-feira, às 14h, no plenário da Casa Joaquim Nabuco.

Promoção - Dando continuidade à implementação das ações do Plano de Segurança de Pernambuco, lançado em abril, o governador Paulo Câmara entrega, nesta quinta-feira, no Classic Hall, Insígnias aos oficiais, subtenentes e sargentos recém-promovidos da Polícia Militar. Ao todo, 1.216 policiais receberam promoção, sendo 373 oficiais e 843 praças, que ascendem na corporação como reconhecimento pela entrega à luta diária pela preservação da integridade da sociedade pernambucana.

Viaturas - À tarde, Paulo Câmara fará a entrega de 32 novas viaturas para o Corpo de Bombeiros de Pernambuco (CBMPE), sendo 20 carros de menor porte e 12 caminhonetes. A nova frota irá para unidades da instituição localizadas no Recife, Olinda, Vitória de Santo Antão, Carpina, Caruaru, Garanhuns, Surubim, Serra Talhada, Petrolina, Salgueiro, Arcoverde, Petrolândia, Araripina e Ouricuri. Com essa entrega, que também está prevista no Plano de Segurança do Governo de Pernambuco, já são 60 novos veículos incorporados à frota dos Bombeiros em 2017.

Violência - A Bancada de Oposição na Alepe realiza hoje audiência pública para discutir o crescimento da criminalidade no Estado e o Pacto pela Vida, com a participação dos secretários Angelo Gioia (Defesa Social), Pedro Eurico (Justiça), do procurador-geral do Estado, César Caúla, do procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu, comandante da Polícia Militar, Cel. Vanildo Neves, e do chefe da Polícia Civil, Joselito Kehrle do Amaral, além do sociólogo José Luiz Ratton, idealizador do Pacto pela Vida, e de representantes de sindicatos e associações ligadas aos agentes de segurança.

RÁPIDAS

Homenagem - O deputado estadual Tony Gel (PMDB), apresentou no plenário da Assembleia Legislativa, requerimento solicitando um Voto de aplauso pela passagem do Centenário de nascimento do Bispo Emérito de Caruaru, Dom Augusto Carvalho, a ser comemorado nesta sexta-feira.

COMENTÁRIOS dos leitores