Novo ministro fala sobre Enem: ‘correndo contra o relógio’

Declaração de Abraham Weintraub foi dada em entrevista ao Jornal da Record

por Lorena Barros ter, 09/04/2019 - 10:32
Foto: Rafael Carvalho/Divulgação Casa Civil Abraham Weintraub, novo ministro da Educação Foto: Rafael Carvalho/Divulgação Casa Civil

O novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, deu a primeira declaração envolvendo o Exame Nacional do Ensino Médio no mesmo dia da indicação do seu nome para o comando da pasta. Segundo o professor e economista, que deverá ser empossado nesta terça-feira (9), o ministério está focado em organizar a aplicação do Enem e da avaliação do ensino básico. “A gente está correndo contra o relógio”, afirmou em entrevista ao Jornal da Record.

Abraham vai tomar o comando da pasta após saída do colombiano Ricardo Vélez Rodríguez, nomeado por Bolsonaro no mês de janeiro. O professor da Universidade Federal de São Paulo aproveitou a entrevista à emissora brasileira para rebater as críticas de que não seria capacitado para o cargo. "Eu sou professor concursado de uma universidade pública federal. Dei aula durante vários anos", afirmou

O Enem deve ser realizado em dois domingos, nos dias 3 e 10 de novembro de 2019. Entre as polêmicas recentes envolvendo o exame estão a formação de uma comissão para “avaliação transversal” de questões e a falência da gráfica que imprime a prova desde 2009.

LeiaJá Também

Confira o currículo do novo ministro da Educação 

Em meio ao caos do MEC, como será o Enem de Bolsonaro? 

COMENTÁRIOS dos leitores