Mais de 1,4 mil vagas não foram ocupadas no Mais Médicos

Das 8.517 vagas ofertadas, 17% não tiveram médicos interessados ou contaram com desistentes

por Marcele Lima sex, 11/01/2019 - 17:06
Divulgação 17% das vagas não foram ocupadas Divulgação

O Ministério da Saúde divulgou nesta sexta-feira (11), o balanço de ocupação do programa Mais Médicos. A revelação de quantas vagas restaram e quantas foram ocupadas foi feita ao fim do prazo para apresentação dos profissionais aos municípios, registrado entre 07 e 10 de janeiro. Ao todo, 1.462 pessoas não compareceram.

No total, 8.517 vagas foram abertas para substituir os médicos cubanos que deixaram o programa em novembro de 2018, após divergências entre o Ministério da Saúde Pública de Cuba e o discurso do Presidente Jair Bolsonaro em relação aos profissionais daquele país.

Nos dias 23 e 24 de janeiro, o Ministério da Saúde vai realizar uma nova chamada para que brasileiros formados no exterior possam participar da seleção. Já nos dias 30 e 31 será a vez dos médicos de outros países formados no Brasil tentarem uma vaga.

Todos precisam entrar acessar o site do sistema de seleção e escolher uma localidade com vagas abertas. Boa parte deles está localizada em zonas rurais e indígenas.

COMENTÁRIOS dos leitores