Dia intenso de trabalho marca sábado no Startup Weekend

Versão universitária de evento internacional visa ajudar estudantes a criar uma startup do zero em 54 horas

por Lorena Barros sab, 15/09/2018 - 17:24
Rafael Bandeira / LeiaJáImagens Rafael Bandeira / LeiaJáImagens

O “clima de primeiro dia” e incertezas que pairava entre participantes na abertura do Startup Weekend Uni, iniciado na UNINASSAU Boa Viagem, Zona Sul do Recife, na sexta-feira (14) deu lugar à integração e imersão de grupos desde a manhã deste sábado (15). Após apresentação de 31 ideias diferentes, dez foram selecionadas para se “transformarem” em uma startup em 54 horas. 

Para o público, com 75% feito por estudantes, este é um dos dias mais intensos de STW, já que precisarão iniciar o processo de retirada de ideias do papel. “Agora eles estão no processo de validação do problema, já sugeriram o problema que foi escolhido e precisam fazer pesquisas, comprovar com o público se o que aquilo que apontaram como problema para ser resolvido realmente é um problema”, explica Manuela Arruda, uma das organizadoras do evento, que por duas vezes já esteve no lugar dos estudantes.

Este sábado também marcou o dia no qual os estudantes conheceram mentores, voluntários de destaque no mundo da tecnologia que escutam dúvidas e auxiliam no direcionamento de ideias do público. “Algumas ideias são comuns, mas há muitas interessantes, diferentes, voltadas para públicos bem específicos”, conta Andrea Santos, mentora e gerente de projeto do CESAR Schools. 

No domingo, os alunos terão oportunidade de apresentar a concretização dos seus projetos e serão julgados por uma equipe. Os primeiros lugares serão premiados com uma surpresa ainda não anunciada ao público. 

COMENTÁRIOS dos leitores