Feira Mundial expõe a originalidade do artesanato

No Hangar, em Belém, expositores de vários países revelam traços de diferentes culturas por meio de objetos e utensílios domésticos

qui, 13/09/2018 - 17:59

Porcelanas, luminárias e animais de madeira estão entre as peças em exposição na 21ª Feira do Artesanato Mundial (FAM), instalada no Hangar Centro de Convenções da Amazônia, em Belém. Com expositores de vários países, a feira está aberta das 15 às 22 horas, até domingo (16).

Nos estandes podem ser encontrados objetos que chamam a atenção pela beleza e originalidade. Luminárias de vidro, filetes de ouro, centros de mesa de vidros e porcelanas pintadas à mão são alguns utensílios que fazem parte da produção de uma família turca. Valeria Gomes, expositora do estande da Turquia, destacou a relevância do evento. “É importante para conhecermos e para as pessoas saberem como funciona o artesanato de fora”, disse.

 “Eu não conhecia nada. Estou achando muito bonita a utilização de pigmentos para decoração”, afirmou Karina Casanova, estudante de designe, que visitou a feira. “A feira é muito boa, porque geralmente quem visita são interessados ou estudantes. A partir dessa visita nós podemos ver vários outros materiais e processos que podemos utilizar no nosso dia a dia, até mesmo incentivar o consumo desses materiais para decoração, enfeite. Eu acho isso muito importante”, disse Karina.

 Carolina Yukie, expositora do estande japonês, informou que a porcelana japonesa tem mais de 600 anos de história. “A gente tem um carinho pelas peças e ficamos entristecidos quando a pessoa não valoriza o que é artesanato”, assinalou. "As peças artesanais são mais caras, por isso algumas pessoas preferem a industrial." 

Ariel Lorenzo, argentino que mora em Belém, disse que gosta muito de artesanato de diferentes países. “É muito bom para que as pessoas vejam como são as outras culturas, como a oriental, europeia”, afirmou.

 O ingresso para a feira custa R$ 10,00, com meia para estudantes. São esperados 100 mil visitantes ao longo dos dez dias do evento. Veja vídeo abaixo.

 Por Bruna Helena.

Embed:

COMENTÁRIOS dos leitores