Veja 5 áreas de negócios que podem render bons resultados

Analista do Sebrae revela informações que podem ajudar quem pretende empreender

por Paula Brasileiro qui, 24/05/2018 - 07:32
Pixabay É preciso estar atenro às demandas do mercado Pixabay

Ser dono do próprio negócio e mudar do status de empregado para o de patrão é o sonho de muita gente. Porém, é preciso estar ligado na hora de empreender para não correr o risco de perder tempo e dinheiro. O LeiaJá conversou com um analista do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e descobriu quais áreas estão mais propícias ao sucesso neste ano de 2018.

Segundo João Paulo Andrade, analista de atendimento do Sebrae, o mais importante, na hora de escolher um segmento para investir, é prestar atenção à demanda. "É identificar o ambiente e as mudanças culturais e tecnológicas que estão acontecendo e quais são as oportunidades que surgem a partir dessas mudanças". O analista explica que essas mudanças, e até mesmo o surgimento de novos hábitos na sociedade, acabam por ditar tendências que norteiam os caminhos para empreender: "É um desafio para as empresas, mas também é a oportunidade para essas empresas atenderem à hábitos que ainda não estão sendo atendidos".

Seguindo esse raciocínio, em 2018 o que está em alta - e crescendo - são negócios voltados para o bem estar, além de serviços como estética e construção, bem como segmentos mais tradicionais, como moda e educação. Confira os cinco melhores segmentos, apontados pelo Sebrae, para empreender este ano.

Bem estar

Negócios voltados para saúde e bem estar demonstram forte potencial de crescimento. Lojas e serviços de alimentação saudável, alimentação vegana, produtos naturais e, também, academias e clínicas de nutrição têm tudo para dar certo em 2018.

Alimentação

Comida, de uma maneira geral, parece ser sempre um bom negócio. O nicho oferece inúmeras formas de investimento como bares, cafés, confeitaria e fornecimento de alimentos preparados, como marmitas.

Serviços de pequenas reformas

A prestação de serviços como instalação e manutenção elétrica, pequenos reparos, serralheira e, também, venda de materiais de construção é um dos segmentos que prometem dar bons retornos neste período.

Moda

Tanto a criação de vestuário quanto a comercialização de roupas estão no ranking dos melhores empreendimentos para 2018.

Serviços de educação

Um segmento mais tradicional, porém com forte possibilidade de crescimento, sobretudo, na área de ensino a distância. Além do ensino propriamente dito, também estão em alta serviços como treinamentos de profissionais da área e transporte escolar.

COMENTÁRIOS dos leitores