Professores podem se inscrever para formação continuada

Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio vai oferecer capacitação na própria escola para docentes

seg, 20/01/2014 - 13:46

Brasília – A partir de hoje (20) professores de escolas públicas de todas as disciplinas do ensino médio podem aderir ao Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio. O pacto oferece este ano, formação continuada que será presencial e desenvolvida na própria escola. Os educadores vão receber bolsa mensal de R$ 200 para fazer a formação.

Pode aderir o docente que atue em sala de aula e esteja registrado no Censo Escolar de 2013. O professor que aderir à formação será cadastrado pelo diretor da escola. Para os professores participarem é preciso que as secretarias estaduais de educação e do Distrito Federal tenha feito a adesão ao pacto. O último balanço do Ministério da Educação (MEC) contabilizou 22 unidades da federação inscritas até o dia 14. A meta é que até o final do mês todas estejam participando.

O MEC espera que os 495,6 mil docentes do ensino médio que trabalham em 20 mil escolas públicas do país participem das aulas. Este ano os professores cursarão dois módulos do pacto. O primeiro trata da formação comum a todos e, no segundo, serão abordados conteúdos das áreas do conhecimento, como ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática. Os docentes vão destinar seis horas semanais à formação continuada. Serão três horas de aulas coletivas e três de estudos individuais.

Os conteúdos desenvolvidos pelas universidades públicas, serão inseridos nos tablets enviados no ano passado pelo MEC às secretarias de educação dos estados e do Distrito Federal. Cada secretaria assumiu a responsabilidade de distribuir os equipamentos aos professores da rede. Os professores orientadores, supervisores e coordenadores também recebem bolsas que variam entre R$ 765 e R$ 2 mil.